No conteúdo deste manual são citados Identificadores de Regras, porém, no GO UP não é possível incluir, excluir ou alterar identificadores e suas regras associadas, pois o sistema possui funções nativas devido aos processos de negócio pré-definidos.
Atualize para a versão mais recente do GO UP e ative os novos recursos exclusivos do XT. Saiba como e seus benefícios aqui.

CPC 47 - Reconhecimento de Receita de Contrato com Clientes

O Pronunciamento Contábil 47 trouxe mudanças profundas no método de reconhecimento de receitas de uma empresa. Com o seu vigor a partir de 2018, ficam revogados os CPC 17 (contratos de construção) e CPC 30 (receitas), justamente para unificar o tratamento contábil existente.

O CPC 47, que trata de receita de contrato com cliente, estabelece uma série de normas sobre o reconhecimento de receitas, principalmente sobre o momento de reconhecimento. A norma contábil impõe o reconhecimento da receita no momento em que houver o controle do ativo pelo cliente e destaca a necessidade de separar a receita de acordo com a obrigação de desempenho.

A entrega do bem pode ser feita de uma única vez e, consequentemente, o reconhecimento de receita refletirá apenas um lançamento contábil, ou pode se dar por meio de entregas contínuas, hipótese em que o reconhecimento de receita deverá ser feito em cada uma das etapas em que ocorrer o cumprimento da obrigação de desempenho.

De uma maneira geral a pessoa jurídica deve reconhecer receita sempre que cumprir a obrigação estipulada no contrato firmado com o cliente ou quando fizer a tradição completa do bem.

Abaixo segue o método estabelecido pelo CPC 47 para que a receita seja reconhecida:

  1. identificação do contrato;
  2. identificação das obrigações de desempenho;
  3. determinação do preço da transação;
  4. alocação do preço da transação;
  5. reconhecimento da receita.

Gestão Empresarial | ERP

A solução Gestão Empresarial | ERP permite o reconhecimento de receitas que possuem um projeto envolvido em que seja possível identificar o valor da receita através do contrato e identificar o percentual de evolução do projeto ou seus respectivos valores orçados e incorridos.

O reconhecimento da receita pode ocorrer por Evolução de projeto ou Custo incorrido. Confira nos tópicos abaixo a diferença entre eles e como ocorre cada reconhecimento.

Reconhecimento de receita de contrato por Evolução de Projeto

Confira na imagem abaixo, um fluxo do macroprocesso de contabilização da receita no ERP quando o reconhecimento da receita ocorrer por Evolução de Projeto:

Pré-requisitos

São necessárias as seguintes parametrizações e cadastros para o reconhecimento da receita por Evolução:

  1. A empresa deve possuir o parâmetro Utiliza Controle Projetos (F070EMP) selecionado como Sim;
  2. Cadastro de transação específica de projeto (F001TPJ) que será utilizada para reconhecer a receita. Essa transação deve estar parametrizada para que o valor do lançamento não atualize o saldo do projeto;
  3. Vincule na tela (F070PRJ) a transação de reconhecimento de receita positiva e a transação para reconhecimento da receita negativa;
  4. Cadastro do Projeto (F615PRJ);
  5. Cadastro das fases do projeto (F615PRJ > botão Fases);
  6. Projeto Aprovado;
  7. Contrato de Venda (F160NOV). Além das informações básicas do contrato, dois campos são específicos para o reconhecimento da receita:
    • Rec. Receita (IFRS/POC): indicar que o contrato será reconhecido pela Evolução do Projeto (E).
    • Projeto: indicar a qual projeto pertence o contrato.

    O valor do contrato pode ser aumentado ou diminuído através de seus itens, usando o campo Preço Padrão das grades de Serviços e Produtos da tela F160NOV.
    Ao cadastrar um contrato indicando que ele é reconhecido por receita, e que possua projeto vinculado, quando houver valor informado no campo Preço Padrão para o produto ou serviço, ele irá influenciar no valor final do reconhecimento do contrato. Podendo assim ser utilizado para indicar diminuição do valor do contrato por item a partir da competência em que a alteração ocorrer.

  1. Criar uma forma de contabilização para a transação de projetos criada;
  2. O identificador de regras FIN-615RECPR01 permite criar consistências, controles e processamentos com base nas informações do reconhecimento que está sendo processado. A chamada da regra é executada no processamento dos reconhecimentos e também na exclusão.

O reconhecimento da receita por evolução do projeto, ocorre de acordo a evolução do projeto. Desta forma, o valor será contabilizado conforme as etapas do projeto forem avançando.

Dessa forma, mensalmente deve-se indicar de forma manual o percentual de evolução do projeto. A tela Evolução de Projetos (F615EVO) possui um web service (com.senior.g5.co.mfi.prj.evolucaoprojeto) que permite integrar esse percentual de algum sistema especialista.

O valor do reconhecimento dos contratos por projeto e fase se baseia no rateio dos itens do contrato (serviço ou produto). A totalização do reconhecimento por contrato é realizada por competência de acordo com as informações dos itens de Serviço e de Produto do contrato, conforme:

Após o fechamento do mês deve-se acessar a tela de reconhecimento de receita (F615REC) para realizar o cálculo da receita que será reconhecida e gerar o lançamento no projeto, possibilitando que ele seja contabilizado.

Segue abaixo uma simulação de um reconhecimento de receita por evolução de projeto:

  1. O parâmetro Utiliza Controle Projetos da empresa 1 está parametrizado como Sim;

  1. Cadastradas as transações 91601 (Crédito) e 91602 (Débito) na tela Transações de Projeto (F001TPJ);
  2. As transações foram vinculadas na tela Parâmetros de Filial para Projetos (F070PRJ);

  1. Cadastrado o projeto 10.002 que está na situação Aprovado;

  1. Cadastrada as fases do projeto;

  1. Cadastrado o contrato 18 do tipo 01 - Comercial Normal no valor de R$ 40.000,00, informando que o tipo de reconhecimento é Percentual de Evolução e ele está relacionado ao projeto 10.002.

  1. Na competência 12/2017, foi informado o percentual de evolução de 10% da fase 1 do projeto 10.002.

  1. Na tela Reconhecimento de Receita são apresentados os valores que serão contabilizados em decorrência da evolução do projeto.

Esta tela permite o cálculo, consulta e exclusão da receita que será reconhecida no período.

Importante

Só é possível excluir os cálculos caso a receita não tenha sido contabilizada. Uma vez contabilizada, deve-se excluir o lançamento contábil.

Após o cálculo é possível consultar os detalhes do processamento de cada contrato, competência, filial, projeto e fase, através do botão Log Cálculo.

  1. No momento em que é processado o cálculo, o sistema gera na guia Outros da tela Lançamentos manuais de Projetos (F616MAN) o lançamento manual do projeto com o valor da receita que foi reconhecida no período.

Observação

O rateio do lançamento será herdado do rateio do contrato.

  1. O lançamento poderá ser contabilizado através da tela F645CTB no módulo Projetos - Lçtos Manuais.

Reconhecimento de receita de contrato por Custo Incorrido

Confira na imagem abaixo, um fluxo do macroprocesso de contabilização da receita no ERP quando o reconhecimento da receita ocorre por Custo Incorrido:

Pré-requisitos

São necessárias as seguintes parametrizações e cadastros para o reconhecimento da receita por Custo Incorrido:

  1. A empresa deve possuir o parâmetro Utiliza Controle Projetos (F070EMP) selecionado como Sim;
  2. Cadastro de transação específica de projeto (F001TPJ) que será utilizada para reconhecer a receita. Essa transação deve estar parametrizada para que o valor do lançamento não atualize o saldo do projeto.
  3. Vincule na tela (F070PRJ) a transação de reconhecimento de receita positiva e a transação para reconhecimento da receita negativa;
  4. Cadastro do Projeto (F615PRJ);
  5. Cadastro das fases do projeto (F615PRJ > botão Fases);
  6. Projeto Aprovado;
  7. Cadastro de Orçamento (F615ORC);
  8. Contrato de Venda (F160NOV). Além das informações básicas do contrato, dois campos são específicos para o reconhecimento da receita:
    • Rec. Receita (IFRS/POC): indicar que o contrato será reconhecido pelo Custo Incorrido (C).
    • Projeto: indicar a qual projeto pertence o contrato.

    O valor do contrato pode ser aumentado ou diminuído através de seus itens, usando o campo Preço Padrão das grades de Serviços e Produtos da tela F160NOV.
    Ao cadastrar um contrato indicando que ele é reconhecido por receita, e que possua projeto vinculado, quando houver valor informado no campo Preço Padrão para o produto ou serviço, ele irá influenciar no valor final do reconhecimento do contrato. Podendo assim ser utilizado para indicar diminuição do valor do contrato por item a partir da competência em que a alteração ocorrer.

  1. Criar uma forma de contabilização para a transação de projetos de receita positiva e outra negativa
  2. O identificador de regras FIN-615RECPR01 permite criar consistências, controles e processamentos com base nas informações do reconhecimento que está sendo processado. A chamada da regra é executada no processamento dos reconhecimentos e também na exclusão.

O valor do reconhecimento dos contratos por projeto e fase se baseia no rateio dos itens do contrato (serviço ou produto). A totalização do reconhecimento por contrato é realizada por competência de acordo com as informações dos itens de Serviço e de Produto do contrato, conforme:

Segue abaixo uma simulação de um reconhecimento de receita por custo incorrido:

  1. O parâmetro Utiliza Controle Projetos da empresa 1 está parametrizado como Sim;

  1. Cadastradas as transações 91601 (Crédito) e 91602 (Débito) na tela Transações de Projeto (F001TPJ);
  2. As transações foram vinculadas na tela Parâmetros de Filial para Projetos (F070PRJ);

  1. Cadastrado o projeto 100 que está na situação Aprovado;

  1. Cadastrada as fases do projeto;

  1. Cadastrado o contrato 17 do tipo 01 - Comercial Normal informando que o tipo de reconhecimento é Custo Incorrido e ele está relacionado ao projeto 100.

  1. Cadastrado um orçamento de R$ 30.000 para a Fase 2 do projeto 100;

  1. Realizado o lançamento manual do título CUSTO para a fase 2 do projeto 100;

  1. Antes de processar, é exibida uma tela para vincular o título ao projeto e fase;

  1. Ao calcular o reconhecimento da receita, o valor à reconhecer é apurado conforme o custo incorrido quando comparado com o orçado. Esse percentual é aplicado sobre a receita;

Importante

O cálculo por custo incorrido ocorre somente em competências na qual o período da filial do contas a pagar estiver fechado.

Após o cálculo é possível consultar os detalhes do processamento de cada contrato, competência, filial, projeto e fase, através do botão Log Cálculo.

  1. os botões do rodapé da tela permitem acessar as origens do cálculo;

  1. No momento em que é processado o cálculo, o sistema gera na guia Outros da tela Lançamentos manuais de Projetos (F616MAN) o lançamento manual do projeto com o valor da receita que foi reconhecida no período.

Observações

Só é possível excluir os cálculos caso a receita não tenha sido contabilizada. Uma vez contabilizada, deve-se excluir o lançamento contábil

O rateio do lançamento será herdado do rateio do contrato.

  1. O lançamento poderá ser contabilizado através da tela F645CTB no módulo Projetos - Lçtos Manuais.

Este artigo ajudou você?